(21) 3079-3997   (21) 96711-4331

Já ouviu falar na dieta VLCD?

Do inglês “Very Low Calorie Diet”, esta é uma dieta de muito baixa caloria e é muito utilizada nos países da Europa. Ao contrário de tantos outros métodos de emagrecimento, a dieta VLCD, não vai fazer você passar fome. Apesar da baixa ingestão de calorias, ela provoca sensação de saciedade e bem-estar, além de manutenção da massa muscular, eliminando quase que exclusivamente a gordura corporal. A perda de peso média mensal é de 8 a 10kg para mulheres e até 12kg para homens.

Ela é indicada principalmente para pacientes obesos, com sobrepeso, resistência insulínica, fígado gorduroso ou que buscam níveis adequados de colesterol e triglicerídeos, melhora da hipertensão e até da fertilidade.

A dieta VLCD se baseia em um consumo balanceado de proteínas e redução na ingestão de carboidratos e gorduras, seguindo uma baixa ingestão calórica diária, geralmente menos de 800 calorias, inicialmente.

Esse método aumenta a queima de gordura levando o fígado a produzir corpos cetônicos. Isso acontece porque o organismo entende que há uma diminuição  de carboidratos e glicose (que são fontes de energia) e o corpo busca fontes alternativas como a gordura corporal, entrando no estado de cetose. O estado de cetose também proporciona uma grande sensação de  saciedade,  até maior que alguns inibidores de apetite.

No Brasil existem empresas que fornecem produtos proteicos modificados para que as necessidades nutricionais do paciente sejam atendidas através de sua ingestão. Estes métodos são constituídos por fases cuja duração será calculada pelo médico e, a cada fase são acrescentados novos alimentos até chegar à reeducação alimentar e manutenção de peso corporal.

Sobre o aspecto nutricional, saiba que, por mais que o consumo calórico seja pouco, a dieta VLCD é totalmente balanceada. Mesmo sendo  restritiva, o cardápio contempla todos os nutrientes necessários para o bom funcionamento do organismo: ácidos graxos essenciais, proteínas, vitaminas e minerais.

É possível fazer a dieta VLCD apenas com a alimentação, mas fica complicado chegar nos níveis de macronutrientes necessários, pois todos os alimentos proteicos excederão a quantidade de gorduras e proteínas que regem uma VLCD. O mesmo acontece com as fontes do carboidrato alimentar que ultrapassariam os limites estabelecidos.

Lembre-se, essa é uma dieta realizada sob prescrição médica, sendo o acompanhamento clínico e laboratorial fundamentais durante o processo. Por isso, busque sempre por profissionais qualificados e experientes, consulte o seu Endocrinologista!

Fonte: Medical Site

 

QUEM SOMOS

Medical Site é uma empresa criada com o objetivo de cuidar da imagem de profissionais de saúde e estabelecimentos médicos de todos os portes na web. São profissionais experientes, com mais de 10 anos de contato com a área médico, que pensam e produzem as ferramentas e o conteúdo gerado pela empresa para seus clientes.

0
Conectando
Um momento...
Enviar mensagem

Desculpe, não estamos online no momento. Por favor, deixe sua mensagem.

* Nome
* Email
Telefone
Assunto
* Como podemos ajudar?
Entrar no chat

Temos um especialista online! Envie sua pergunta.

* Nome
* Email
Telefone
* Como podemos ajudar?
Estamos online!
Feedback

Ajude-nos a melhorar! Deixe seu feedback.

Como foi nosso atendimento?