fbpx
(21) 3079-3997   (21) 99605-6858

Telemedicina está autorizada pelo CFM: e agora?

Na última semana, em caráter de excepcionalidade, o CFM reconheceu a possibilidade de atendimento médico à distância (telemedicina) durante a pandemia do COVID-19. Com essa resolução, o CFM tem o objetivo de contribuir para que a população mantenha o estado de isolamento social (uma das principais formas de combater o vírus), auxiliar o sistema de saúde, evitando a sobrecarga, além, é claro, de preservar a saúde de médicos e pacientes.

A telemedicina foi autorizada nos seguintes moldes:

Teleorientação: para que, à distância, você, médico, possa orientar e encaminhar o seu paciente que está em isolamento.

Telemonitoramento: para que, à distância, você possa monitorar os parâmetros de saúde e/ou doença do seu paciente.

Teleinterconsulta: para que, à distância, você possa trocar informações e opiniões com seus colegas médicos para auxílio em diagnósticos e terapias.

Em suma, essa resolução permite que médicos de qualquer especialidade, em caráter público (SUS) ou privado (planos de saúde e atendimento privado), realizem atendimento médico por meio de canais telefônicos, digitais e de videochamadas. Embora você possa cobrar por esse atendimento, cabe lembrar que nada muda em relação ao código de publicidade médica: ainda é vedado anunciar valor da consulta, realizar promoções, etc.

Clique aqui e acesse o Código de Publicidade Médica.

Além disso, você deve garantir a estrutura técnica apropriada, segurança, privacidade e sigilo da consulta médica que irá realizar. Tudo isso é de responsabilidade do médico. O ideal é que você utilize, na teleconsulta, uma plataforma que gere uma gravação e armazene arquivos. Se você não trabalha com um sistema de prontuário médico eletrônico, documente e armazene sua evolução exatamente como faria em uma consulta presencial.

Essa teleconsulta pode gerar uma receita ou atestado médico assinado por você, é claro. Você deve garantir que essa receita ou atestado chegue em mãos ao paciente, ou ainda utilizar uma receita/atestado eletrônico com assinatura digital dentro das garantias de segurança da ICP-Brasil.

Será que, após este momento de crise, a telemedicina será definitivamente regulamentada pelo CFM?

Pode ser que sim. Caso isso se concretize, certamente o CFM lançará um documento mais detalhado sobre as regras e restrições dessa modalidade de consulta, como o elaborado em 2018 e que foi revogado.

Clique aqui e confira a resolução sobre a regulamentação da telemedicina revogada em 2018.

Até lá, caso opte por praticar a telemedicina, fique atento às regras que você deve seguir. Algumas sociedades médicas lançaram documentos complementares ao do CFM para auxiliar seus médicos durante este momento da pandemia do coronavírus. Verifique se a sua sociedade lançou um desses documentos e procure segui-lo também.

Além disso, opte cuidadosamente pela plataforma que você realizará seus atendimentos à distância. O ideal é que ela seja projetada exclusivamente para a teleconsulta e que tenha sido programada por profissionais com expertise na área médica – certamente eles possuem maior familiaridade com as normais do CFM.

Nós, do Grupo Visana Comunicação, estamos trabalhando com vigor para lançar uma plataforma completa e segura que auxilie nossos clientes neste momento. Também estamos disponíveis para auxiliá-los apoiá-los no que for necessário.

Por Rosalia Santos

QUEM SOMOS

Medical Site é uma empresa criada com o objetivo de cuidar da imagem de profissionais de saúde e estabelecimentos médicos de todos os portes na web. São profissionais experientes, com mais de 10 anos de contato com a área médica, que pensam e produzem as ferramentas e o conteúdo gerado pela empresa para seus clientes.

INSTAGRAM

This error message is only visible to WordPress admins

Warning: The account for medicalsitebrasil needs to be reconnected.
Due to Instagram platform changes on March 31, 2020, this Instagram account needs to be reconnected to allow the feed to continue updating. Reconnect on plugin Settings page

WhatsApp chat